DIVERSOS – MARÇO / 08



1. Aquisições interessantes

 

No último mês realizei algumas aquisições interessantes para a coleção, entre as quais destaco as duas apresentadas abaixo:

 

1.1.  Diligência Britains

 

 

Esta diligência adquiri do meu amigo Marcos Crespo, do Rio de Janeiro.

 

Não sei precisar ainda a data da diligência mas, pelo estilo da embalagem, deve ser do final dos anos 1960 ou início dos anos 1970.

 

A diligência ainda está presa à embalagem, indicando que nunca foi brincada. Assim deverá permanecer, exposta na coleção dentro da embalagem original.

 

1.2.  Carroça Gulliver

 

Esta história é interessante...

 

Os colecionadores de brinquedos sabem como é difícil conseguir itens originais, em bom estado. Com suas embalagens originais, então, mais difícil ainda. Nunca brincados – quase impossível.

 

Pois bem, recentemente o Mercado Livre foi invadido por uma onda de vendas de carroças Gulliver de 1979, com seis cavalos cada, nunca brincadas. Cerca de 4 ou 5 carroças destas foram comercializadas através do Mercado Livre, por dois vendedores de Santa Catarina, e outras foram comercializadas fora do Mercado Livre, pelos mesmos vendedores.

 

Eu tive a sorte de conseguir uma, que está na imagem a seguir. Comento na seqüência.

 

 

Dentro do meu critério de coleção eu preservo na embalagem original, sem abrir, itens que adquiro nesta condição. Contudo, a carroça estava muito retorcida dentro de sua embalagem original, e tive que abrir para recolocá-la em seu formato correto.

 

Diversas coisas chamaram a atenção nesta carroça. Geralmente, por melhor que guardemos algo, o tempo deixa marca, principalmente pelo acúmulo de pó. Todo colecionador de brinquedos sabe que a luta contra o pó é implacável. Pois bem, a embalagem desta carroça não possuía o menor vestígio de pó. Não é como se tivesse sido limpa. Simplesmente não havia pego pó.

 

A diligência mencionada no item anterior estava guardada em sua embalagem original, mas não apresenta sinais naturais do tempo. Esta carroça parecia ter sido produzida na semana anterior. O plástico da embalagem estava dobrado diversas vezes sob o papelão, antes de ser grampeado. Então, boa parte do ar que estava dentro da embalagem era ar de 1979. Ao abrir pude sentir o odor de dentro da embalagem e do brinquedo (experiência olfativa). Pois bem, era o cheiro da infância, o mesmo cheiro que sentia quando abria meus brinquedos novos.

 

Nós que colecionamos brinquedos de plástico sabemos o cuidado necessário para que eles não quebrem. Pois bem, com esta carroça relembrei o conceito de plástico flexível. O plástico está tão original que pode ser torcido quase como uma borracha, sem problemas.

 

A única coisa que apresentava sinal do tempo nesta carroça eram os grampos da embalagem, que estavam enferrujados.

 

Pelo que pude acompanhar de negociações no Mercado Livre e negociações paralelas, até agora foram comercializadas cerca de 10 carroças como esta. Isto em pouco mais de um mês.

 

A curiosidade me assalta: quem guardou estes brinquedos neste estado? De que forma conservou num estado tão original? Por que decidiu vender? Enfim, qual a história deste lote de carroças?

 

Sei que os dois vendedores de Santa Catarina foram sondados a respeito destas informações, mas não revelaram nada. Talvez estejam apenas protegendo seu “segredo comercial”.

 

Mas tenho certeza que todo o universo de colecionadores de brinquedos de faroeste ficaria muito feliz em poder conhecer esta história.

 

Quem sabe um dia nos contam.

 

2.Exposição em Limeira

 

Recentemente realizou-se em Limeira, São Paulo, uma exposição de brinquedos antigos, como parte da “Semana Unimediana”.

 

Nela o colecionador Marcelo Rossi teve oportunidade de exibir o seu estupendo acervo de brinquedos de diversos gêneros. Abaixo apresento algumas imagens.

 

Na mesma exposição o artista Antonio Lima apresentou algumas de suas obras, que retratam paisagens / situações do interior. Mesmo não sendo de faroeste, não poderia deixar de mostrar algumas das obras fantásticas deste artista. As imagens estão apresentadas após as fotos de brinquedos.

 

 

 

 

 

  

Obras de Antonio Lima:

 

 

 

3. Presente da esposa

 

O colecionador Junior Pozzeti, do Paraná ganhou uma linda escultura de presente da sua esposa, e enviou a imagem para o site. Nós publicamos para que todos possam conhecer seu belo presente:

 

 

Marcos Guazzelli

Março de 2008





Comentários

Enviar comentario

De: Rodney
Em primeiro lugar gostaria de parabenizalo pelos diversos artigos que tem públicado, quanto ao artigo sobre as carroças Gulliver, saberia me informar em qual cidade de Santa Catarina foram feitas estas vendas? Outra pergunta adquiri recentemente a base da Fazenda Ponderosa com alguns animais, estou procurando os cowboys e carroças poderia me ajudar com alguma informação. grato pela atenção, um abraço.