DIVERSOS



Neste texto serão abordados de forma breve quatro diferentes temas.


1 – ABRIN


Em abril realizou-se em São Paulo mais uma edição da feira nacional da indústria de brinquedos.


Como era de esperar, nenhum lançamento na área de brinquedos de faroeste, nem nacional nem importado. Na verdade, a cada ano que passa uma visita à feira parece mais uma visita à China.


Este ano teve uma inovação – uma exposição de brinquedos antigos chamada “Túnel do Tempo”. Por um lado foi uma iniciativa positiva. Por outro, não houve nenhuma comunicação / integração com colecionadores de brinquedos para que pudéssemos, avisados, comparecer na feira e visitar esta exposição.


Evidentemente a feira é para comerciantes e pessoas ligadas à indústria de brinquedos, e não para colecionadores. Mas, sem dúvida, os colecionadores de brinquedo contribuem para manter viva a alma deste negócio.


 


A feira contou também com uma exposição alusiva aos 70 anos da Estrela.


2 – GEPETO


A loja de brinquedos Gepeto, localizada no Shopping Iguatemi de Belém do Pará, já foi objeto de artigo neste site, e continuará sendo enquanto o site existir.

Isto porquê esta loja vai na contra-mão da indústria nacional de brinquedos, e das demais lojas, e investe na comercialização de brinquedos de faroeste. E tem sucesso com isto, tem sucesso sendo diferente e saindo da mesmisse “made in china”.


É um absurdo que não tenhamos uma loja sequer como esta no sul e no sudeste do País.

Desta vez a inovação da Gepeto foi colocar uma cidade do velho oeste na sua vitrine, para atrair os consumidores. Imagens abaixo, incluindo o Sr. Paulo Parijós Cabral, cliente fiel da loja (e proprietário da "cidade"). Parabéns Gepeto.


 


 


 


3 – Garimpagem


A reconstrução da história dos brinquedos de faroeste no Brasil exige dedicação. E dedicação é o que não falta aos colecionadores José Mello (dono da Gepeto) e Paulo Parijós Cabral, ambos de Belém do Pará.


Além das suas atividades profissionais e familiares, sempre encontram um tempo para se dedicar a estes brinquedos.


Neste momento, estão dedicando algumas horas na pesquisa de jornais antigos de Belém com anúncios de brinquedos de faroeste.


Já foram obtidos dois anúncios, que vão abaixo:


No primeiro podemos ter uma idéia da relação de preço dos conjuntos Zorro e Fort Rin Tin Tin com outros brinquedos da época;


No segundo vemos a relevância do brinquedo forte apache, pois a Mesbla não o deixou de fora de seu anúncio de Natal.



 


Entre os poucos itens que ilustram o anúncio, o forte apache está lá, junto ao pé do frei.


 


4 – Campanha “envie sua foto”


A campanha está devagar, o pessoal está com preguiça de vasculhar suas fotos antigas. Aqui vai a minha contribuição para a campanha. Este sou eu em 1979:


 


Marcos Guazzelli





Comentários

Enviar comentario

De: manoboy23@gmail.com.br
OLA... BOA NOITE.... MEU NOME É PAULO, SOU AQUI DE BLUMENAU - SC E COLECIONO SOLDADINHOS DE FORTE APACHE E PLASTICO EM GERAL....SOU INICIANTE, MAS JA TENHO ALGUMAS "COISINHAS".... NASCI EM 1972 E SEMPRE FUI MUITO POBRE,ENTAO BRINCAVA COM SOLDADINHOS DE PRIMOS OU AMIGOS, HOJE, QUE TENHO BOAS CONDIÇOES,RESOLVI DE UMA HORA PARA OUTRA COMEÇAR MINHA COLEÇAO... GOSTARIA DE VER COM O AMIGO, QUE PARECE SER UM DOS MAIORES COLECIONADORES QUE JA VI, SE PODES ME INDICAR ALGUEM OU ALGUM SITE QUE EU POSSA COMPRAR FIGURAS DE INDIOS BRITAIS OU QUALQUER MARCA COMPATIVEL COM A ESCALA.... AS ULTIMAS QUE COMPREI FORAM COM O SR. ANTONIO DA DSG. PARABENS PELO SITE E MUITO OBRIGADO... ABRAÇAO... PAULO.


De: jorgetitas31@hotmail.com
Junior e aqui de sobral meus parabens,vc tem muito a contar da historiado faroeste,entre em contato comigo pelo meu msn que eu quero lhe fazer algumas


De: sayonara moreira
Gostaria muito de entrar em contato com Paulo P. Cabral,sobre uma materia super interessante que li,aguardo contato.