O OESTE SELVAGEM DA MEGO



A Mego (a pronúncia é "mee-go") foi uma tradicional empresa americana especializada em 'action figures", que fez enorme sucesso na primeira metade dos anos setenta, lançando bonecos e 'playsets' baseados em séries de tv cultuadas,  como 'Star Trek'  e 'Planeta dos Macacos'.   Mas não foram somente os clássicos da tv que fizeram a fama da 'Mego':  heróis dos quadrinhos, figuras baseadas em personagens reais, e uma grande linha de personagens de domínio público também faziam parte do seu catálogo,  sendo responsáveis pelo assombroso número de bonecos vendidos ao longo de 10 anos: 60 milhões de unidades! A empresa fechou em 1982.


A Mego entrou no mercado dos "action figures" em 1971,  pegando carona no êxito do Gi Joe,  lançado pela Hasbro.   A empresa optou por bonecos menores e mais baratos - têm cerca de 18 centímetros de altura - mas igualmente articulados e "vestidos".   Da sua linha de personagens de domínio público,  a "Heroes of the Wild West" também marcou época,  mesmo sendo mais difíceis de encontrar no Brasil do que as figuras baseadas em séries de tv.   Os personagens desta série eram Cochise,  Buffalo Bill,  Davey Crockett,  Sitting Bull,  Wild Bill Hickock,  Wyatt Earp,  e Shadow,  sendo vendidos em caixas ou cartelas.


 


 


 


 


O 'playset' da série "Wild West" era bem legal,  representando "Dodge City".   Como dizia a propaganda, era um "set perfeito para um duelo ao meio-dia",  de preferência com o boneco do Wyatt Earp!  O problema deste set para quem morava no Brasil era o preço....lembro de ficar com o nariz colado numa vitrine de loja em

Copacabana,  sonhando com o brinquedo.  Infelizmente...,pelo menos para mim,  nunca saiu da vitrine!


 


"Shadow" era um cavalo - o único da série.   Vinha com um dispositivo que o fazia se movimentar.    Este item eu nunca vi vendendo aqui no Brasil.


 


Uma curisidade:  em 1974,  a série "Wild West" da Mego foi lançada na Itália pela Baravelli,   que "customizou" os bonecos para que ficassem mais atraentes para o seu público.  Saíram os heróis americanos...e entraram os personagens da série "Tex",   um clássico dos quadrinhos italianos,   cultuado até hoje no "país da bota".   Aqui no Brasil também conhecemos bem o personagem!


 




Richard Kyaw





Comentários

Enviar comentario