DIVERSOS - SETEMBRO 2013



1.Nas lojas

Na última atualização, em julho, esqueci de comentar sobre isso, mas tem sido possível encontrar brinquedos de faroeste nas lojas de brinquedos. OK, não é nada comparável aos maravilhosos conjuntos da Casablanca/Gulliver, mas não deixa de ser uma espécie de volta ao passado poder entrar numa Pbkids ou Ri Happy da vida e encontrar brinquedos de faroeste.

Estão à venda itens da nova série Western da Playmobil, basicamente dois modelos de acampamento indígena, artilharia da União, Fort Brave, mina, carroça, diligência, esconderijo dos bandidos, e algumas figuras avulsas. São os mesmos conjuntos que estão à venda nas lojas de brinquedos dos EUA,, exceto por um conjunto de 3 índios numa fonte de água, que eu comprei nos EUA mas não vi no Brasil. A diferença é o preço ... muito mais barato nos EUA. Seguem imagens:







Também à venda os brinquedos da Lego relacionados ao novo filme Lone Ranger. Eu não vi o filme. Quem viu, não gostou. E os brinquedos são absurdamente caros no Brasil, muito mais acessíveis nos EUA. Estão à venda um trem, uma cidade, uma mina, uma diligência, um acampamento de índios, e figuras avulsas. Seguem imagens:








2.
Livro novo

Foi lançado o segundo livro do Espanhol Juan Hermida, sobre a história das figuras Espanholas. Desta vez o livro saiu pela Andrea Press, em edição de luxo e limitada. A Andrea Press é da Andrea Miniatures.

O livro, de 636 páginas, é muito bom, com muitas informações e imagens, incluindo várias imagens de vitrines de lojas de brinquedos nos anos 50 e 60 (eu sonho em conseguir imagens de vitrines brasileiras nos anos 60 e 70, mas até hoje sem sucesso).

O Hermida também teve acesso a antigos donos das fábricas de brinquedos, e todos adoraram a oportunidade de conversar sobre o passado. Que inveja, pois no nosso caso a família Lavin recusa qualquer contato.

Seguem algumas imagens:








3.Visita

Em setembro recebi a visita do colecionador gaúcho David Orning. A visita ficou registrada nesta imagem:



4.Mantendo o brinquedo vivo

De vez em quando, dou um Forte Apache de presente, fazendo minha parte para tentar manter o brinquedo vivo. Desta vez dei para esses meninos, que até então nunca tinham ouvido falar em velho oeste. Adoraram, e a felicidade está estampada nos rostos.



5.Memórias do Raul Aguiar

O texto abaixo me foi enviado pelo grande colecionador mineiro Raul Aguiar, de Belo Horizonte. Publico em letras maiúsculas, como o recebi.

LEMBRANÇAS DE CRIANÇA

O ANO NÃO SEI EXATAMENTE, PODE SER QUE SEJA 1966 OU 1967,QUANDO GANHEI MEU PRIMEIRO BRINQUEDO DE FAROESTE,O FORTE APACHE CASABLANCA.SÓ ME RECORDO DA NOITE DE NATAL,EU MORAVA NO SEGUNDO ANDAR DA CASA DE UMA TIA,E A FAMILIA REUNIA NO ANDAR PRINCIPAL PRA COMEMORAR.MEU PRESENTE FICOU NA PARTE DE CIMA GUARDADO PRA SER DADO DEPOIS DA MEIA NOITE,E EU ANSIOSO!!!!QUANDO CHEGOU O MOMENTO, SUBIMOS PRA CASA E MINHA MÃE GANHOU UM COMPACTO COM A MÚSICA DISPARADA DO JAIR RODRIGUES, 1966, TAVA NO AUGE. LEMBRO DELA SENTADA EM UM BANQUINHO EM FRENTE A RADIOLA ESCUTANDO ESTA MÚSICA,E MEU PAI TROUXE O EMBRULHO.TIROU A CAIXA,E EU FIQUEI DOIDO POIS JÁ CONHECIA O QUE ERA POR CAUSA DA SÉRIE RIN TINTIN!MAS MINHA MÃE FALOU, HOJE NÃO VAI BRINCAR, HORA DE DORMIR, SÓ AMANHÃ!MEU MUNDO CAIU!MEU PAI ENTÃO, DISSE PRA ELA, VOU SÓ ABRIR E MOSTRAR O QUE É. ELE ENFILEIROU ENTÃO ALGUNS ÍNDIOS A CAVALO, PLÁSTICO MARROM ESCURO, PINTADOS COM TINTA BRILHANTE, EU FIQUEI DESLUMBRADO! UM ÍNDIO SEGURANDO A LANÇA MAGRINHO, OUTRO COM UMA ÁGUIA NA MÃO, E O OUTRO COM UMA TOCHA. DEPOIS UM ATIRANDO ATRÁS DA PEDRA. E FINALMENTE RUSTY E RINTIN!!! GUARDOU. FUI RAPIDAMENTE PRA CAMA. NO DIA SEGUINTE,QUANDO ACORDEI,JOGUEI O COBERTOR PRA CIMA E NUM PULO JÁ CAÍ AO LADO DO FORTE, AÍ FOI SÓ FESTA!


DEPOIS DISSO, TODO PRESENTE QUE EU PEDIA ERA SOLDADINHO E ÍNDIO!ERAM VENDIDOS EM SAQUINHOS, OU EM GÔNDOLAS AVULSOS. COMPRAVAMOS MUITO NAS LOJAS AMERICANAS, BRASILEIRAS, ARMARINHO SÃO RAFAEL, BRINQUEDOLÂNDIA E REI DOS BRINQUEDOS. DEPOIS GANHEI A FAZENDA PONDEROSA, NÃO ME RECORDO QUANDO E COMO, SÓ RECORDO QUE MEU PAI ERA FANÁTICO COM A SÉRIE BONANZA E ÀS VEZES BRINCAVA COMIGO  COM ESTE CONJUNTO ASSISTINDO A SÉRIE, QUE PASSAVA NA TUPI (AQUI TV ITACOLOMI) ACHO QUE AOS SÁBADOS DE NOITE. ENTÃO, PASSEI A PEDIR OS BICHINHOS DA FAZENDA QUE ERAM VENDIDOS SEPARADAMENTE TAMBÉM, "MÃE ME TRÁS CABRINHAS!” E FICAVA NA JANELA MAIS OU MENOS NA HORA DELA CHEGAR, OLHANDO OS ÔNIBUS. QUANDO ELA DESCIA JÁ LOGO TENTAVA VISUALIZAR O EMBRULHO/SAQUINHO DE PAPEL BRANCO COM SÍMBOLO VERMELHO DAS LOJAS AMERICANAS. QUANDO NÃO TRAZIA DAVA MAIOR BIRRA ÉLÓGICO, APANHAVA! HEHEHEHE! MAS NA MAIORIA DAS VEZES TRAZIA!

LEMBRO QUANDO GANHEI UMA BARRACA GRANDE DA BATALHA DE TUIUTI VENDIDA AVULSA, QUE VINHA COM UM OFICIAL ANDANDO COM A ESPADA  E UM CORNETEIRO, PREGADOS NA BASE COM UM PREGUINHO MINÚSCULO. NESTE DIA, FOI UM TRAUMA, PORQUE MINHA MÃE SAIU E ME AVISOU, "VOU TRAZER UM PRESENTE PRA VC,MAS NÃO VÁ BRINCAR LÁ EM BAIXO NO TERREIRO,OBEDEÇA SUA AVÓ!SE EU CHEGAR E VC TIVER DESOBEDECIDO NÃO TE DOU!"BELEZA.ELA SAIU,EU DESOBEDECI,FUI AJUDAR MINHA PRIMA A COLOCAR UMAS GARRAFAS VAZIAS NUM TELHADINHO,QUANDO,DE REPENTE, UM MONTE DE BANDEIJAS DE METAL QUE VINHAM EM FOGÕES DAQUELA ÉPOCA,DESPENCARAM NA MINHA CABEÇA!!!ABRIU UM BURACO E SANGUE COMEÇOU A JORRAR!MINHA OUTRA PRIMA MAIS VELHA ME SOCORREU,PRA ME LEVAR NA FARMÁCIA.QUANDO ESTAVAMOS SAINDO NO PORTÃO,MINHA MÃE ACABAVA DE DESCER DO ÔNIBUS COM UM PACOTE DAS LOJAS AMERICANAS.FOI AQUELE TERROR!"EU TE FALEI, VC DESOBEDECEU1NÃO DEVIA TE DAR ISSO AQUI!" E TIROU A BARRACA DE PANO.E EU CHORANDO PACAS,ENTÃO MINHA PRIMA INTERVEIO, "TIA,DEPOIS A SENHORA XINGA,VAMOS RESOLVER ISSO AQUI!" FUI PRO HOSPITAL, TOMEI 3 PONTOS, DOEU PACAS.MAS MAIS TARDE,RECEBI O PRESENTE,SOB XINGAMENTOS,CABEÇA COSTURADA,MAS AMANDO DEMAIS AQUELA BARRAQUINHA!!!!!!!

GANHEI DEPOIS UMAS CARTELAS COM CANHÃO, FIGURAS A CAVALO, SOLDADOS A PÉ, TUDO FANABRI, BATALHA DE TUIUTI. NUNCA TIVE O BRINQUEDO COMPLETO NA CAIXA.

OUTRO CONJUNTO QUE LEMBRO FOI O ZORRO DA TROL. FIQUEI UNS TEMPOS ESTUDANDO NUM HOSPITAL PARA PESSOAS COM DEFICIENCIA FISICA, MENTAL, ETC, CHAMADO ARAPIARA, POIS ACHAVAM QUE NÃO PODIA ESTUDAR EM ESCOLAS NORMAIS. MINHAS PRIMAS ME DAVAM AULA EM CASA USANDO UM LIVRINHO DE HISTÓRIAS INFANTIS, CHAMADO AS MAIS BELAS HISTÓRIAS!E APRENDI A ESCREVER MEU OME COM UMA VIZINHA. COMO EU ME DESTACAVA DOS DEMAIS COLEGAS, UM MEDICO, QUE VIROU AMIGO DA FAMILIA, INSTRUIU MEUS PAIS A ME TIRAREM DE LÁ E ME MATRICULAREM EM ESCOLAS NORMAIS. E ACONSELHOU A ME DAREM BRINQUEDOS DE DESTREZA MANUAL, ASSIM GANHEI O MONTE BRÁS E KITS REVELL PRA MONTAR. MAS NO ÚLTIMO DIA NESTE HOSPITAL, MINHA MÃE, QUE SEMPRE ME BUSCAVA, ME DISSE QUE IRÍAMOS VOLTAR DE TAXI E QUE ME DARIA UM BRINQUEDO DO REIS DOS BRINQUEDOS, QUE FICAVA NO CAMINHO DE CASA NA AV. DOM PEDRO II. LEMBRO DE PARARMOS DO OUTRO LADO DA RUA E ATRAVESARMOS PARA A LOJA. ENTÃO, VI A CAIXA DO ZORRO, GRANDE, AZUL, VERDE! FIQUEI DOIDO JÁ QUE ADORAVA A SÉRIE! CHEGUEI EM CASA, ABRI, TENHO QUASE CERTEZA DE OS PERSONAGENS VIREM DENTRO DE SAQUINHOS COM UM PAPELZINHO COM SEUS NOMES! ADOREI!


DEPOIS HOUVE UMA LACUNA, NÃO ME LEMBRO DOS PRESENTES. MAS SEI QUE TIVE MUITA COISA AVULSA DA CASABLANCA, FANABRI, ETC. ME LEMBRO DE LEVAR PRA ESCOLA MEUS SOLDADOS E INDIOS PRA BRINCAR JUNTO COM MEUS COLEGAS, NA HORA DO RECREIO.UM DIA RECORDO QUE UM DELES LEVOU UMAS BARRAQUINHAS ÁRABES, UNS ÁRABES, CAMELOS, SOLDADOS. ERA O LAWRENCE DA ARÁBIA! FIQUEI DOIDO, ELE ME DISSE QUE ERA IMPORTADO, LOROTA! ERA NACIONAL, DA COMANCHE! NUNCA TIVE NAQUELA ÉPOCA! UMA CURIOSIDADE, TENHO QUASE CERTEZA DE VÊR SOLDADOS INGLESES DESTE CONJUNTO, PINTADOS DE CAQUI COM AQUELES CAPACETES BIBICOS TRADICIONAIS DA ÉPOCA!MAS NÃO POSSO ASSEGURAR, E NINGUÉM LEMBRA DELES. MAS EU VI!

ENTÃO CHEGOU 1971, MERRY CHRISTMAS E IMAGINE DO JOHN LENNON NAS PARADAS! NATAL, AO SOM DESTAS MÚSICAS GANHEI DOIS CONJUNTOS QUE NINGUÉM TÁ LEMBRANDO, MAS ESTES TENHO CERTEZA ABSOLUTA! PODE TER SIDO 1972 OU 1973 PORQUE ESTAS CANÇÕES ERAM TOCADAS TODO NATAL. GANHEI DUAS CAIXAS FINAS QUE ABRIAM PELAS LATERAIS, E DE DENTRO SE PUXAVA UMA FORMA DE VACCUM FORM ONDE SE ENCONTRAVAM ENCAIXADAS OS BONEQUINHOS. EM UMA OS CAÇADORES DE BÚFALO, O COM O PÉ NA PEDRA, O ATIRANDO COM O RIFLE, O ATIRANDO COM REVOLVER, AQUELE COM UMA FACA E O RIFLE QUE SAIA. NA OUTRA OS INDIOS, O COM A FACA E RIFLE BRAÇOS ABERTOS, O FEITICEIRO DE PÉ COM CACHIMBO, O ATIRANDO COM RIFLE DE PÉ, E O ATIRANDO COM REVOLVER! TODOS COM BASES INDIVIDUAIS EM CADA PÉ, PARECIDAS COM MATINHOS, TODOS DE PLÁSTICO DURO, AQUELE PLÁSTICO DE KITS. E UMA PINTURA MUITO BONITA BRILHANTE. FOI A PRIMEIRA VEZ QUE VI ESSAS FIGURAS! TALVEZ NÃO FOSSEM SÓ QUATRO EM CADA, MAS NÃO ME LEMBRO. E ATRÁS DAS DUAS CAIXAS VINHAM CACTUS, PEDRAS, CERCAS, ETC, DESENHADAS EM PRETO E BRANCO PRA SEREM RECORTADAS E USADAS DE PÉ COMO CENÁRIO PARA AS FIGURAS. MUITO BACANAS ESSES CONJUTOS!!


1973 OU 1974, AINDA POSSUIA MEU FORTE APACHE CASABLANCA. MAS JÁ NÃO TINHA A CAIXA, POR ISSO O GUARDAVA NO SAPATEIRO DE UMA MESA DE ESCRITÓRIO QUE TINHA NO MEU QUARTO, EM CIMA DE SAPATOS E TÊNIS. TODA VEZ QUE MINHA MÃE LIMPAVA O LOCAL AS CERCAS CAIAM E OS PREGOS FERIAM O PÉ DELA. ME DEU O ULTIMATO, "TIRA ISSO DAQUI, TÁ ME MACHUCANDO!" NÃO TIREI. E NUMA SEXTA FEIRA CAIU DE NOVO E FUROU O DEDO DELA! ELA QUEBROU MEU FORTE TODO! ADEUS FORTE CASABLANCA! CHOREI MUITO E, PRA VARIAR APANHEI! NO SÁBADO, ARREPENDIDA, MINHA MÃE CHEGOU E ME DISSE "SEGUNDA FEIRA VAMOS NA LOJA AMERICANA E VOU TE DAR UM OUTRO FORTE”. OBA!!! CUSTEI ESPERAR A SEGUNDA! ENTÃO CHEGOU, FOMOS LÁ, E LEMBRO DE VER UM MONTÃO DE CONJUNTOS NAS PRATELEIRAS! MAS NÃO MAIS CASABLANCA, AGORA GULLIVER. FIQUEI DOIDO COM A CAIXA DA CARAVANA GULLIVER QUE ERA O MESMO DESENHO DA CONQUISTA DO OESTE, MUITO BONITO! MAS ERA CARO, E ELA ME DISSE "ESTE NÃO DÁ PRA MIM, MUITO CARO,MAS AQUELE DÁ,QUER ELE?" ERA A CAIXA AMARELA DO FORTE MÉDIO GULLIVER. GANHEI! CHEGUEI EM CASA, ABRI E NUNCA MAIS ESQUECI AQUELE CHEIRO CARACTERISTICO DOS CONJUNTOS DA GULLIVER! DEPOIS GANHEI VÁRIAS FIGURAS AVULSAS. CARROÇAS, SAQUINHOS COM INDIOS, SOLDADOS, COWBOYS. MEU IRMÃO MONTOU UMA LOJINHA EM FRENTE MINHA CASA, VENDIA DE TUDO, E TODA CARTELA OU SAQUINHO COM COISAS DA GULLIVER MINHA MÃE COMPRAVA PRA MIM. O ZOOLÓGICO MEU PAI ME DEU DE NATAL JUNTO COM O AUTORAMA FITTIPALDI.

MAIS TARDE SAIRAM EM REVISTAS DA DISNEY PROPAGANDAS COM A LINHA DA SÉRIE AFRICA MISTERIOSA. FIQUEI DOIDO! TIVE O FANTASMA E O TRONO AVULSO, SAFARI. ENTÃO UM DIA PEDI A MINHA MÃE PRA TRAZER O AFRICA MISTERIOSA. COITADA, NA ÉPOCA EU NÃO ENTENDIA, COM CERTEZA NÃO TEVE DINHEIRO E ME TROUXE UM MINI FORTE GULLIVER, PUTZ, FOI O FIM DO MUNDO, ESPERNEEI, CHOREI, NÃO ERA AQUELE QUE EU QUERIA!!!! APANHEI DE NOVO! MAS, DE REPENTE, UMA VIZINHA AMIGA ABRIU A PORTA E PERGUNTOU O PORQUE DAQUILO, ELA ME MIMAVA MUITO, HEHEHEHE, MINHA MÃE EXPLICOU. ENTÃO ELA PEGOU A REVISTA, O MINI FORTE E A NOTA FISCAL, FOI NA LOJA AMERICANA, TROCOU O PRODUTO, PAGOU A DIFERENÇA E ME DEU A AFRICA MISTERIOSA!!!! QUE DEUS A TENHA NUM LUGAR MUITO BOM, OBRIGADO DONA MARIA, SAUDADES! E FORAM OS AFRICANOS AS ÚNICAS FIGURAS QUE GUARDEI, POIS IA FAZER UM DIORAMA COM UM KING KONG DA REVELL QUE TENHO ATÉ HOJE. NÃO FIZ O DIORAMA. E NUNCA TIVE O MINI FORTE, POIS O REJEITEI!

E AGORA, AGRADEÇO A DEUS POR EU TER NASCIDO NAQUELA ÉPOCA E VIVIDO E USUFRUÍDO DAQUELAS MARAVILHAS DE BRINQUEDOS, DE SÉRIES, DE MÚSICAS, DE UM TEMPO MÁGICO E ABENÇOADO. OBRIGADO A MINHA MÃE E MEU PAI (QUE DEUS O TENHA NUM LUGAR MUITO BOM), POIS MESMO NA CONDIÇÃO DE CLASSE MÉDIA BAIXA, NUNCA ME FALTOU NADA. DESEJO A TODAS AS CRIANÇAS A INFÂNCIA QUE TIVE, RODEADO DE CARINHO, BRINQUEDOS E CORREÇÕES QUE ME MOLDARAM NO QUE SOU HOJE! OBRIGADO, ABRAÇO A TODOS!


6.Uma imagem, muitas recordações

Estou sempre a pedir que aqueles que tiverem foto de infância com brinquedos de faroeste, que me enviem para publicação no site. Até hoje recebi poucas.

O colecionador Marcos Faria me enviou a imagem abaixo, que ele encontrou no Facebook:

Na imagem, do início dos anos 70, vê-se à esquerda uma parte do Virgínia City, e à direita uma Caravana (do primeiro modelo feito pela Gulliver, ainda denominado de A Conquista do Oeste) e um mini Forte Apache 1970. Fantástico.

Como não tenho Facebook, não consigo nem ver quem é o proprietário da foto. Se por acaso o proprietário não gostar de vê-la publicada aqui sem autorização, é só entrar em contato pelo mguazzelli@uol.com.br que eu retiro do site. Se, contudo, desejar entrar em contato para contar sua história com esses brinquedos, ficarei muito feliz.

Também do Facebook, creio que da página do Tássilo, o Marcos Faria me enviou a imagem abaixo, de uma página de jornal com o anúncio do lançamento da Caravana. Infelizmente não consegui ler a data do jornal. É raríssimo encontrar publicidade da Casablanca.



7.Uma antiguidade

Brinquedo de faroeste da Estrela:



Este está na minha coleção.

8.
Mais informações interessantes apuradas pelo Gilmar Rede

Agora publicadas no seu próprio site:

http://dinastia.comunidades.net/index.php?pagina=1484151864

Sigam o link.

É a patente do Grande Forte Apache Casablanca, solicitada em dezembro de 1966. O brinquedo foi lançado em 1967. O Diário Oficial que trás a patente é de 1971, época em que a Casablanca já estava desativada.

9.
Fort Bill

O colecionador Marcos Avellar enviou imagem do belo Fort Bill (Espanhol) que acaba de adquirir:



10.Novas figuras da King & Country

O colecionador Luiz Paulo Pizzuti enviou imagem do lançamento das novas figuras da King & Country, para complementar o conjunto Little Bighorn.

11.Revolução Farroupilha

Um grupo de gaúchos criou e lançou figuras representando combatentes da Revolução Farroupilha, revolução esta que manteve o Rio Grande do Sul independente do Brasil por cerca de 10 anos a partir de 1835.

Não há palavras suficientes para elogiar esses ousados empreendedores pela sua iniciativa. Segue imagens das figuras:


Eles podem ser encontrados na Facebook (parece que todo mundo menos eu está no Facebook...) como “Brinquers”. O site é este:

brinquers.com.br

Procurem, comprem, prestigiem quem tem coragem de produzir soldadinhos no Brasil.

12.Cidade da Lineol

O colecionador Richard Kyaw enviou imagens de bela cidade da Lineol:




13.Encontro cultural

Ocorreu no final de julho o primeiro encontro cultural de antiguidades da cidade de Cruz Alta, no Rio Grande do Sul. E o faroeste esteve presente, levado pelo colecionador Cassiano Olegário:

Parabéns pela iniciativa.

Ufa...

Até a próxima,

Marcos Guazzelli

Setembro de 2013





Comentários

Enviar comentario

De: Pedro Luiz Malaspina
Parabéns pelo texto Raul Aguiar! sou um pouco + novo que vc(1965), mas minha história é meio parecido com a sua, na minha infância a Meca dos brinquedos era a Americanas( na minha memória ficou guardada a imagem de vários ítens avulsos, que visão aquelas gôndolas de vidro quadradas quase transbordando de personagens/animais, etc.) quando não estava com minha mãe ela tb trazia sempre algum mimo, não tive nenhuma Forte Apache( só alguns personagens/cavalos, etc.) mas num certo Natal chegando da casa da minha avó Papai Noel havia deixado un Cj. do Zorro montado em nossa sala, só posso dizer que foi MÁGICO..., não tenho nada contra vídeo-games e tal, mas seguramente nossa geração foi afortunada com esses brinquedos( sobretudo da Gulliver), pois bastavam eles e um pouquinho de imaginação...rs - pena que hoje em dia quase não existem mais( segmento Western), se não me engano tem a Lj Gepeto no Pará e só, e no Mercado Livre os preços são MUITAS vezes impraticáveis( tem gente que pensa que tá vendendo o "SANTO GRAAL"...rs), enfim, um Grande Abraço e que DEUS abençõe à todos o Fãs desses brinquedos/ Séries de TV que fizeram nossa infância MAIS FELIZ, Peter "Soldier Blue"


De: Gilmar Rede
Consigo Luiz, vou te enviar.


De: cassiano olegario
O fort bill e´de ke fabrica???


De: RAUL AGUIAR
Obrigado Guazzelli pela publicação do meu artigo.desculpem a letra maiúscula mas fica mais fácil,hehehehehe!Abraço a todos!


De: Roberto Vasco
Raul, nossas estórias são muito parecidas, as surras pelas reclamações são idênticas.Bons tempos, lembranças que jamais serão apagadas.


De: Luiz Carlos Pagliarini
Olá Gilmar consegue enviar por e-mail a patente do forte.


De: GILMAR REDE
Realmente, você consegue se superar nas matérias, uma melhor que a outra, Parabéns, pelos artigos e informações valiosas.


De: Carlos Mariano
Muito legal o que o Raul Aguiar contou, sobre o seu passado com os brinquedos da Casablanca/Gulliver. Viveu na infância à época de ouro dos anos 60 e 70. Parabéns aos gaúchos da Brinquers por produzirem figuras tão fascinantes!


De: davidorling@hotmail.com
Visitar o Marcos Guazzelli e sua esosa foi maravilhoso! Pena eu estar de passagem rápida, mas deu para ver a grandiosidade de sua coleção. As fotos pouco falam do tamanho e da quali!ade da coleção do Guazzelli. Parabéns!