BARCO VIKING CASABLANCA



Esta breve história iniciou-se na primeira quinzena de agosto de 2012, quando um leitor publicou no site Brinquedos de Faroeste o anúncio do produto da imagem abaixo:

Tratava-se de um mini Forte Apache 1979, o último da série clássica. Segundo as poucas informações que obtive com o vendedor, tratava-se de sobra de estoque de uma loja que foi do seu pai. Havia sobrado dois desses, fechados em suas caixas originais nunca abertas. Segundo o vendedor, ele abriu um para tirar a foto do anúncio, e o outro continuava fechado. Ainda segundo ele, nas sobras de estoque da antiga loja do seu pai havia mais itens Gulliver.

Evidentemente fiquei louco pelo produto, como deve ter ocorrido com muitos que viram o anúncio. A mim bastava um dos fortes, não precisava ter os dois. Mas também fiquei louco pela história – eu queria ir a São Paulo não apenas para comprar este forte, mas para descobrir a história desta antiga loja de brinquedos, que loja era, como esses itens haviam ficado guardados tanto tempo, enfim, tudo o que pudesse ser interessante para narrar aqui no site.

Em contato com o vendedor ele informou que já havia marcado com uma pessoa de fora de São Paulo, que iria ver os itens no sábado (eu conversava com ele numa 4ª), e que havia se comprometido a vender tudo para esta pessoa se ela gostasse.

A partir daí eu comecei a fazer uma pressão cerrada no vendedor, falando da importância deste forte para a minha coleção, dizendo que ele poderia honrar o seu compromisso com a outra pessoa vendendo um dos fortes, e todos os demais itens Gulliver da antiga loja, que eu queria apenas um dos fortes. E passei a enviar e mails com ofertas de valores bem generosos.

Tudo sem efeito, o vendedor nem respondia mais os meus e mails. E fiquei sem o tão desejado forte.

Neste ponto do texto vou abrir um parêntese para falar um pouco sobre a ética deste site.

Manter um site como este no ar é quase como uma missão de vida. Custa dinheiro, dá trabalho e não dá nenhum retorno financeiro. Faço porque gosto. Faço por prazer. Faço para ajudar a preservar a memória dos brinquedos de faroeste, e para atrair novos colecionadores.

Mas além de dar trabalho, manter um site no ar também envolve aspectos éticos. Por exemplo, não posso publicar no site tudo o que penso. Há limite entre aquilo que deve ser tornado público e aquilo que é privado. Não posso usar o site para atacar alguns desafetos que tenho no mundo do colecionismo. Também não posso usar o site para divulgar informações da vida privada de pessoas sobre as quais escrevo.

Enfim, manter e atualizar o site exige um permanente julgamento ético.

Há cerca de três anos resolvi criar a seção de classificados no site. Para que os usuários pudessem anunciar seus produtos e vendê-los sem precisar pagar comissão. Também não ganho nada com classificados. Desde a criação da seção já foram publicados quase 1.000 anúncios.

Para manter a seção de classificados no ar também é preciso ter ética. Eu tomo conhecimento dos produtos anunciados antes da liberação da publicação dos anúncios, afinal sou eu quem faz a liberação. Contudo, por ética, eu jamais entrei em contato com qualquer vendedor antes de liberar a publicação do anúncio. Não posso eticamente ter uma postura de liberar a publicação de anúncios de produtos que não me interessam, e reter a publicação de anúncios de produtos que me interessam, pelo menos até eu conseguir negociá-los com o vendedor.

Nunca pensei que teria que estar escrevendo sobre isto aqui no site, mas a realidade da vida é sempre mais criativa do que nossa imaginação.

Sobre o anúncio a que me refiro na introdução deste texto, tomei conhecimento de manifestações onde pessoas insinuam que eu teria comprado, por exercer um tipo de filtro antes da liberação da publicação dos anúncios. Não é verdade. Não faço filtro nenhum. E não comprei este produto. Liberei a publicação do anúncio e só depois entrei em contato com o vendedor que, neste meio tempo, já havia sido contatado por outra pessoa, que foi mais rápida do que eu.

Fechamos o parêntese para prosseguir com a história.

Perdi o tal forte num sábado, data na qual o vendedor fechou a venda do lote todo com um comprador misterioso (ninguém sabe quem é), e no domingo apareceu à venda no Mercado Livre um raríssimo barco viking da Casablanca, produzido na década de 1960.

O barco é muito raro, apesar de saber de alguns colecionadores que o possuem. A caixa, no entanto, é muito mais rara, pois eu nunca a havia visto nem em fotografia. O barco eu só conhecia de foto, nunca havia visto um ao vivo.

Bem, vendo este anúncio eu pensei numa possível estratégia: tentaria vencer o leilão do barco e, se conseguisse, colocaria um anúncio na mesma seção de classificados propondo ao comprador misterioso dos fortes a troca deste raríssimo item por apenas um dos dois fortes que ele comprou.

O leilão foi longo, e o preço subiu muito, mas por fim consegui ganhar o barco no dia 2/9.

Já na manhã do dia 3/9 eu publiquei o planejado anúncio. Recebi uma enxurrada de e mails e telefonemas, com ofertas em dinheiro, propostas de trocas, etc. Mas não recebi nenhum sinal do comprador misterioso.

No dia 6/9 eu recebi o barco. Fiquei espantado com o estado de conservação tanto do barco quanto da caixa, ambos estão quase novos. Além do barco vieram 8 vikings no conjunto. Este é o barco, já na minha casa:

Para quem não conhece ao vivo ter uma ideia de tamanho, ele mede 40 cm da base ao topo do mastro. Na base possui um conjunto de rodas que é encaixável.

E aqui a imagem da até então desconhecida caixa:

Logo fiquei curioso para saber quem era o autor da bela ilustração. Deu um pouco de trabalho, mas encontrei. Está meio escondido, bem pequeno, no canto inferior direito da ilustração. Segue imagem:

Isso mesmo, mais uma obra prima do mestre Nelson Reis. Sabemos agora que ele produziu dois trabalhos para a Casablanca: a caixa da Fazenda Ponderosa e a caixa do conjunto Os Vikings. Talvez nem o próprio Nelson lembre que ele fez este trabalho.

Bem, ao ver o barco, a caixa, seu estado de conservação, fui acometido de uma paixão instantânea, e imediatamente desisti da estratégia original de troca, utilizando este item como chamariz. Já na manhã do dia 7/9 removi do site meu anúncio de troca. Concluí que não vendo e não troco por nada. Um item como este não tem preço.

Agradeço a todos que enviaram suas gentis propostas e ofertas, mas, como disse, fui acometido de paixão instantânea.

E o comprador misterioso perdeu a oportunidade...

Até a próxima!

Marcos Guazzelli

Setembro de 2012





Comentários

Enviar comentario

De: erwin sell
This Viking ship was a direct copied of Spaniard made rare not much known company, I will supplied pictures and link later. Best regards. Erwin www.selltoyco.com


De: WAGNER ( brinqtoys)
Ganhei meu Barco Viking no Natal de 67, e ele não veio na caixa e sim em embalagem plástica. As figuras humanas clones da Elastolin eram em plástico do tipo baquelite e não plástico vinil como estávamos acostumados nos brinq Casablanca. lembro que não gostei muito desse detalhe. As armas eram intercambiáveis. Alguns anos mais tarde comprei as figuras da Elastolin numa viagem e constatei que as da Casablanca eram menores. Eu nem sabia que tinha existido Vikings com caixa ... e tinha um seriado de TV que passava na época onde era utilizado os cenários do longa com Kirk Douglas ( imperdível !!! )


De: Marcos Crespo
Eu estive na loja desse vendedor, na Tijuca, cerca de uma semana antes de ele colocar o barco viking a venda. Na altura, ele nem tinha captado ainda. Um dia, navegando pelo orkut, onde eu não ia há muito tempo, vi o barco anunciado numa das comunidades. Acho que ele colocou uma ligação para o anúncio no ML. No ML, ele não postou nas seções conhecidas e mais freqüentadas por nós. Por isso, muita gente nem soube. Minha chance de adquirir essa caixa era a de chegar antes e oferecer uma boa quantia em dinheiro antes que ele anunciasse. As vezes um comerciante está precisando de dinheiro na hora até porque quer comprar algum outro ítem. Por pouco perdi essa oportunidade. Depois de publicado o anúncio e de eu ter ficado sabendo, ainda fui a loja para tentar uma negociação. Mas os lances já estavam altos e eu não passaria muito do que estava. Como ele sabia que ia chegar longe, não quis tirar do leilão. A caixa é muito bonita. Eu não lembrava dela. Aliás, do tempo de criança acho que só lembro das caixas co Acampamento Apache, da Caravana e, principalmente, do Independência ou Morte. As outras passei a conhecer mais recentemente através de amigos colecionadores como aqui no sítio do Guazzelli. A aquisição dessa caixa será lembrada por muito tempo. Ítem raro. Muito legal! Parabéns, amigo Guazzelli !


De: Carlos Mariano (Crazy Horse)
Cassiano, isso que você disse é verdade! Bem possível que este anúncio era FAKE, pois se fosse verdade alguém já teria colocado para vender aqui, ou no ML. (Quem não ia querer comprar?)? Abraços a todos grandes colecionadores e frequentadores deste site!!!!


De:
Me gabo de não sentir inveja de ninguém. Realmente, entendo que tudo acontece na hora que tem e com quem deve acontecer quando uma graça ocorre. Foi meu primeiro brinquedo que jamais saiu da lembrança neste universo de figuras plásticas. Parabéns pela aquisição, ainda possuo um dos vikings originais da embarcação, posteriormente comprei a coleção completa, mas o barco a caixa, num flash retornei do tempo e me lembrei da ansiedade em abrir a caixa e ver seu conteúdo. Perdi o barco e a maior parte da tripulação na praia, o barco realmente flutuava e se foi para o fundo, infelizmente. PARABÉNS, excelente aquisição e como comecei termino, reconhecendo com uma ponta de inveja, mas com um sorriso estampado no rosto.


De: cassiano olegario
Não sei se o pessoal notou, mas as torre de observação que são apresentadas na caixa são as de encaixe na paliçada. E as do forte montado são iguais as do forte Arizona. Não bate uma coisa com a outra!!!


De: Gustavo N. Siqueira
Prezado Marcos Guazzelli, A julgar por tudo que se pode depreender dos atos de alguém que idealiza e se propõe a ser mantenedor de uma iniciativa tão apaixonada e generosa quanto esse site. Penso que essa jóia, essa preciosidade única, só poderia haver caído mesmo em suas mãos. Esse conjunto é simplesmente a mais representativa relíquia da saudosa fábrica. E paro por aqui, pois, para expressar tamanha façanha, somente lançando mão de um impropério.


De: lpcf62@hotmail.com
Parabéns pela compra Marcos, tive 2 (dois) desses na minha infância. As figuras são de plástico rígido e muito fáceis de quebrar. Essas são também réplicas da fábrica alemã Preiser-Elastolin e ainda hoje podem ser adquiridas no site www.toysoldierco.com.


De: marcos bortoletto
tambem tive este barco e o laurence da arabia, mas dei aos meus primos pequenos.


De: Rovilson
Parabéns Guazzelli, foi sonho de 10 entre 10 garotos, na minha infância, grande aquisição!


De: Hamilton Tavares
Fico feliz de ter vendido o meu barco viking para alguem apaixonado pelo hobby. Parabéns!!!!


De: Richard Kyaw
Sensacional esse barco!! A caixa então é espetacular! Eu tive 3 vikings da Casablanca quando criança - viam junto com uma jangada de madeira. Brinquei muito com isso!!! (só consegui recuperá-los comprando os originais Elastolin) abs


De: Sylvio Maia
Pow, esse barco é demais! Um dia vou ver um de perto! Abração!


De: Raul Aguiar
GRANDE CONJUNTO!NÃO SABIA ESTAR CONCORRENDO COM VC GUAZZELLI,POIS TAMBÉM DESEJAVA ADQUIRÍ-LO, POR ISSO UM PREÇO ELEVADO,NA ANSIA DE CONSEGUIR NEM PRESTEI A ATENÇÃO COM QUEM EU CONCORRIA.SE TIVESSE PERCEBIDO,NÃO DARIA LANCE,POIS MINHA AMIZADE POR VC VALE MUITO MAIS QUE QUALQUER COISA!FICO FELIZ POR VC RESOLVER GUARDAR PRA TI PEÇA TÃO MARAVILHOSA,PARABÉNS,ESPERO UM DIA TE VISITAR PRA VÊR DE PERTO.ABRAÇO!


De: Crazy Horse
(O vendedor nem respondeu ao meu e-mail)... Mas para nossa sorte, como o comprador conseguiu as duas unidades do Forte Apache 1979, provavelmente ele coloque pelo menos um conjunto para vender aqui ou no ML.


De: Tadeu Buono
Meu amigo Marcos Guazzelli .Quero desfazer um mal entendido , quando disse que tinha inveja pela sua aquisição , por favor , não me entenda mal , não é olho gordo , e sim satisfação pela sua aquisição , e pena de não ter tido a sua sorte , mas continuo a te parabenizar , e conforme meu chará disse Mahfud , quem sabe algum dia conseguirei este contato de 4º grau também . Que Deus te ilumine e continue a te dar esta sorte . Continue assim , pois seu site é maravilhoso e nos dá uma oportunidade de contactármos . Um abraço .


De: Jean Carlos
Caro Guazzelli, só posso parabenizá-lo pela ética com que você conduz este estupendo site - e vale ressaltar que é apenas um reflexo da ética que você deve possuir no dito "mundo real". Quanto ao maravilhoso barco, fez bem em não negociá-lo. Não o imagino em melhores mãos. Um grande abraço!


De: Tadeu Mahfud
Mistérios da meia noite que voam longe...que vc nunca...não sabe nunca...kkkk, Jesus do céu que enxurrada de itens raríssimos, eu rezo todos os dias pra ter um contato imediato do 4º grau destes, mas nunca acontece..rssrs..ao misterios comprador dos fortes GLV e demais brinquedos e ao MG por ter conseguido este maravilhoso BV na caixa (isto é simplismente inacreditável) o meu mais grandioso efeto e me prosto diante de vocês pela conquista...como diz meu xará Buono, que inveja, mas podem ter certeza que nao é olho gordo. Abs


De: Tadeu Buono
Marcos Guazzelli , parabéms éla aquisição do barco Viking ! Ele é raro , e desculpe eu lhe falar , mas me causou um pouco de inveja , pois como vc pode recordar , em meus artigos publicados , tenho uma coleção de Vikings , que inclusive já a aumentei atualmente , mas me falta o Barco ! Fico feliz por vc , e novamente o parabenizo ! Um forte abraço , deste seu fã e amigo .